Escrito por Margarete Filipa Reis para o blog DAT SEO.

O que é networking?

A palavra network é uma expressão em inglês, definida, habitualmente, como uma rede de contactos (neste caso de foro profissional). Networking é assim o ato de trabalhar e desenvolver essa rede de contactos profissionais.

Em vários momentos da nossa vida profissional podemos estar a fazer networking! Já vos aconteceu participarem num evento sozinhos e ao fim do primeiro intervalo já terem trocado contactos com alguém? Isso é networking!

No fundo a palavra rede já diz tudo!

Utilizando uma analogia, quando um pescador lança a rede ao mar a mesma vai voltar com diferentes tipos de peixes. O pescador pode ser encarado como as circunstâncias que nos levam a sair da nossa zona de conforto e os peixes como os diversos contactos que trazemos depois de participar em algum evento. No entanto, a rede pode, por vezes, voltar vazia. Isto pode acontecer por diversos fatores como a falta de conhecimento do local ou dificuldades em colocar em prática algumas competências técnicas de networking. Sim, para fazer um bom networking é preciso algum tempo, estudo e prática. A “arte” de fazer networking é bastante complexa e importante, uma vez que pode trazer resultados a vários níveis. 

Eu encaro o networking como um estilo de vida, o que requer alguns cuidados seja offline, seja online. O bom networking implica o momento da troca de contactos e o que se segue: Ficar em contacto!

Todos nós conhecemos a expressão portuguesa “quem não aparece, esquece” e é verdade. É importante continuar a manter contacto! Aliás, é fundamental! Por esse motivo é que muitos empresários e outros profissionais investem em modelos estruturados de marketing de rede também conhecido como marketing de referenciação. Este tipo de modelos estão normalmente ligados ao networking de negócios e trazem vantagens económicas para as empresas.

Citação de Margarete Filipa Reis sobre Networking

Quais as vantagens do networking?

Em termos generalistas, temos conhecimento que quanto maior for a rede de contactos de qualidade de uma pessoa maior será a probabilidade de ter algum sucesso, conseguir emprego, fechar negócios, entre outros.

O conceito de networking envolve a combinação de várias estratégias, entre as quais as estratégias de marketing, comunicação, venda e pós-venda. No entanto, os benefícios desta prática podem ser ainda mais potenciados através de estruturas especializadas na criação de grupos de networking. As principais vantagens deste tipo de estruturas são as seguintes:

  • Força de vendas. Normalmente este tipo de estruturas cria grupos de networking que se juntam regularmente e são constituídos apenas por um profissional de cada área, o que permite que não haja concorrência entre os membros do grupo e todos beneficiem. Cada elemento do grupo recorre aos serviços ou produtos dos seus colegas de grupo.
  • Oportunidades de negócio qualificadas, o que significa que neste tipo de grupos são passados os contactos diretos das pessoas decisoras pela concretização de um negócio, logo a concretização do negócio é muito mais rápida.
  • Relações de confiança. O facto das pessoas terem um compromisso assumido com o grupo faz com que cada elemento participe de forma regular nas reuniões de negócio, permitindo assim que cada pessoa domine bem as áreas de negócio dos seus colegas. As relações de confiança são essências para os negócios! No nosso dia-a-dia, referenciamos apenas os profissionais que conhecemos e confiamos.
  • Atualização de conhecimentos. Todos nós sabemos a importância de estar atualizado. Neste tipo de grupos é muito comum que de forma rotativa as pessoas passem informações úteis, conhecimentos e partilha de eventos e formações.
  • Desenvolvimento pessoal e profissional. Pode acontecer de muitas formas, como por exemplo estar num grupo de networking ensina-nos a comunicar em público, a estabelecer bons contactos, a trabalhar em equipa, obriga-nos a sair da nossa zona de conforto, a conhecer outros profissionais com formas de trabalhar diferentes, a participar em atividades e eventos que muitas vezes eram esquecidos, entre muitos outros.

São muitas as vantagens que encontro em pertencer a grupos de networking estruturado! No fundo as pessoas que levam o networking a sério querem fechar mais negócios e acompanhar as novas tendências do mercado para se tornarem profissionais de excelência e consequentemente aumentarem o volume de faturação das suas empresas.

Melhores práticas de Networking

Se procura escolher uma empresa de networking, procure ingressar num grupo que siga as seguintes melhores prática, tais como:

  • Ser uma empresa portuguesa, estando assim ajustada à cultura e forma de trabalhar dos portugueses
  • Com funcionamento às refeições (almoço e jantar), para permitir rentabilizar o tempo de forma produtiva e vantajosa
  • Funcionar de forma estruturada, permitindo que cada reunião seja dinâmica e focada em objetivos concretos
  • Com um layout nos salões onde são realizadas as refeições que permita que todos possam ver e escutar com atenção
  • Convidar cada pessoa a fazer uma apresentação de um minuto para permitir que todos tenham voz
  • Que aposte no desenvolvimento pessoal dos membros
  • Que assuma um forte papel de responsabilidade social;
  • Praticar reuniões semanais, que permitam estreitar os laços de confiança entre os membros;
  • Promover práticas de saúde e bem-estar, como a prática regular de desporto.

Uma empresa portuguesa que segue as melhores práticas de networking é a Mais Negócio Portugal. Cumprindo com todas as melhores práticas e contando ainda com o Clube de Corrida Mais Negócio Portugal, a Mais Negócio Portugal está neste momento no Porto, Lisboa, Marinha Grande e Aveiro.

Dicas para um bom networking

Dicas para um bom networking

Algumas dicas para um bom networking:

  • Mantenha uma postura positiva! É importante para criar empatia!
  • Tenha sempre consigo cartões comerciais, pois continuam a ser boas ferramentas de trabalho.
  • Para além dos seus cartões pessoais guarde sempre mais do que um cartão comercial dos parceiros de negócio que recomenda e referencia. Eles vão lembrar-se de si pelas melhores razões.
  • Se for a um evento em que tenha conhecimento prévio das pessoas que irão estar presentes faça um estudo sobre elas e escolha uma ou duas com quem fará sentido estabelecer um bom networking.
  • Tenha uma aparência profissional e adequada à sua área.
  • Depois de estabelecido o networking mantenha o contacto, envie um email, siga as redes sociais, participe em outros eventos onde essa pessoa esteja presente. Crie uma relação de confiança!
  • Atualize as suas fotos profissionais e redes sociais! Partilhe eventos interessantes e torne-se uma pessoa inspiradora para os outros.
  • Envie postais. Há certas ocasiões do ano que merecem um toque especial sobretudo na época em que vivemos! Enviar um postal pode ser considerado um sinal de reconhecimento e demonstra que teve o cuidado de investir nos profissionais que realmente trouxeram boas oportunidades para si ou para a sua empresa.
  • Torne-se membro de um grupo de networking para negócios estruturado.

Networking: Como começar?

Revemos então algumas questões necessárias para começar o seu networking com o máximo de sucesso:

  • Ler muito!
  • Participar em eventos de menor dimensão,
  • Fazer um bom trabalho de casa, respondendo previamente a estas perguntas:
    • Quem sou?
    • Qual o proveito que quero tirar deste evento?
    • Que pessoas quero conhecer?
    • Quanto tempo vou ter para conhecer cada pessoa?
    • Tenho os meus cartões de contacto atualizados?
    • O que tenho eu para oferecer que possa cativar a outra pessoa?
  • Escolher previamente vestuário adequado ao evento
  • Ser você próprio e treinar pequenas frases para ter um discurso coerente e positivo!